Há uns meses atrás, descobri o Moquecada. Um blog, com uma proposta bem digna: comentar fatos do Espírito Santo, com humor. No início eu gostei, depois o mariquês em excesso (Aka: leio TDUD? e estou imitando passo a passo, hi,hi) me irritou um pouco. Mas de uns tempos pra cá, o blog chegou a um nível de desinformação e preconceito que me fez tirá-lo do meu bem democrático blogroll (não que isso seja grande coisa ou afete alguém).

E pelo visto não fui só eu. Estava conversando com uma das monas do Babado Certo esses dias e ela estava me contando que precisou criticar o Moquecada em um post, po utilizarem um fórmula mais do óbvia para gongar o espetáculo da Angela Jackson, nossa eterna rainha do miado. 

Mas, em minha ronda diária pela blogosfera, volta e meia acabava entrando no Moquecada para ver qual era a da vez. Até que hoje me deparo com um post sobre a Dilma, que entre outras insanidades, diz que a Globo estava pintando a Dilma de coitadinha por causa do câncer com a intenção de elegê-la. Isso mesmo que vocês acabaram de ler. A Dilma está com câncer. Posando de coitadinha na mídia com a ajuda da Globo (!) que faz isso para conseguir elegê-la (!!!).  Só me fica uma pergunta: foi padê, bala ou água de chuca mesmo que esse povo do blog tomou? 

Imaginem vocês, que eu, que não sou muito adepta de comentar  em blogs, nem quando amo o post (um pecado, eu sei), tive que me pronunciar, porque parece que nenhum dos comentarista do blog tem alguma luz de razão em sua mentes.

E como os comentários são moderados por lá, resolvi fazer um guest post de mim mesma por aqui, por que realmente a indignação nesse momento preenche meu ser.

O post deles: 

Sei que esse blog tem a proposta de falar do ES, mas não consigo ver a Globo colocando a Dilma como coitadinha, pra ganhar eleição.

Isso é podre gente… pára!!!!
A mulher de coitadinha não tem nada e tem mais, gente com câncer nesse país não falta. O que falta é dinheiro pra pagar os melhores hospitais, mas isso agora ela tem.

Ela foi eleita a melhor plástica do ano… pelo menos uma eleição já ganhou. E os pobres (de espírito inclusive) que vão votar nela?

Também né, com uma ficha dessas, classe é que não poderia ter. Porque dinheiro agora ela tem… só lhe falta o glamour!

(Aqui tem uma foto daquela ficha criminal falsa da Dilma, que por razões óbvias não vou reproduzir aqui)

Agora, a minha resposta:

 

Realmente as faculdades de jornalismo do ES estão formando maus profissionais e vocês são prova cabal disso…

Primeiro: Primeiro passo para se escrever uma notícia: apurar as informações. Essa ficha é falsa, baby. Essa denúncia é so last season. Só vocês e a imprensa factóide de direita (se é que vocês e eles não são a mesma coisa) para manter isso. Atualizem-se.

Segundo: Em que mundo vocês vivem? Globo? Tratando Dilma como coitadinha? Para elegê-la? Diz pra mim que vocês esqueceram de escrever um “ironia mode on” no fim dessa matéria. Porque aí seria um post de mestre. Do contrário fico na dúvida se foi padê, água de chuca, ou jornalismo porco mesmo o que vocês consumiram.

Terceiro: Câncer nunca vai ser pouca coisa. Não importa quantas pessoas tenham a doença no mundo. Ainda não tem cura. Ainda é uma doença avassaladora. E Dilma não está se fazendo de coitada. Definitivamente. De novo: autalizem-se.

Quarto: Vocês podiam refletir um pouco antes de ficar dando voz a esse discurso machista sobre a plástica dela. Porque eu não sei se vocês notaram, mas é dos mais tradicionais discursos machistas que existe: que mulheres bonitas só servem para enfeite. Mulheres que pensam não podem ser bonitas.

Quinto: Espero mesmo que todos os pobres votem nela. E todos os ricos com um mínimo de humanidade, também . Senão, o PSDB vai voltar a sucatear todas as universidades públicas e aí mesmo que profissionais como vocês vão continuar enchendo os canais de comunicação com asneiras desse tipo.

By the way: Vocês não acham que estão pesando a mão no modo TDUD? de escrever. Original é vanguardista. Referência é esperteza. Cópia exagerada é patético. Ficadica.

Anúncios