São Pedro hoje me ofereceu um ceú nublado. Combina. Com o preto da minha blusa. O roxo do meu esmalte. Todas as cores diáfanas do meu espírito, com um sol por trás. Eu disse na previsão de tempo do primeiro informe que choveria o dia inteiro. Ainda não caiu nem um pingo, mas eu trouxe a sombrinha por precaução. E porque ela é de um vermelho muito rubro e alegre. Balanço cromático.

Bom dia, mundo!

Anúncios