Olhando as capas feitas pela Annie Leibovitz para a Vanity Fair, sobre as quais falei no último post, não pude deixar de reparar em uma coisa: como a Sandra Bullock é sem gracinha, não é?

Na foto entitulada: “Hollywood highest – The class of 2000”, ou seja, com as mais-mais do cinema massivo da virada do século, ela conseguiu aparecer com essa cara ( e essa pose!) de formanda em pedagogia do interior de Minas aos 38 anos. Uma prova de que nem criadores divinos conseguem fazer muita coisa com uma matéria-prima de segunda.

Julguem por si próprios:

cusl01_hollywood0702.jpg

Anúncios